Feeds:
Posts
Comentários

Posts Tagged ‘Jennifer Hoffman’

RELATÓRIO DA ENERGIA DE SETEMBRO DE 2017
COLHENDO A PRÓPRIA SOBERANIA

Mensagem de Jennifer Hoffman
5 de Setembro de 2017

 

serbranco

 

O novo mês começou com muita energia e será agitado, assim segure o seu chapéu: pode ficar um pouco estranho antes que o mês termine. Temos muito acontecendo no início do Eclipse de 21 de Agosto, incluindo alguns eventos importantes em torno do equinócio, em 22 de Setembro que estão sendo mencionados nos círculos Cristãos, como o cumprimento do Apocalipse 12, na Bíblia.

Estes são tempos tênues. Eu também sinto isto. Mas temos algumas coisas do nosso lado, incluindo o crescente número de pessoas que estão despertando e rejeitando os paradigmas da 3D. Temos que nos unir durante este mês, porque muito esforço está sendo feito para nos separar, para criar a separação, o ódio e o medo. Devemos ver o que há, bem como uma confirmação de que devemos estar fazendo muito progresso. Este relatório da Energia de Setembro é um guia para o movimento da energia neste mês. Estamos em “tempos de crise” agora, enquanto nos voltamos para grandes níveis da energia da 5D e rompemos mais os paradigmas da 3D. As palavras-chave para Setembro são a própria soberania e a Congruência Divina, que é também o tema para 2017. Pode ser uma jornada turbulenta, mas estivemos antes neste caminho e, desta vez, sabemos um pouco mais, brilhamos um pouco mais e somos exponencialmente mais numerosos e comprometidos com o nosso caminho da ascensão.

Estamos em um novo mês e um novo ciclo de 9 meses, enquanto Setembro abre com uma energia confusa, que parece ser um deslizamento em um abismo escuro, mas é realmente uma grande reestruturação energética de todo o paradigma da 3D. Temos algumas grandes escolhas a fazer em Setembro, mas temos as ferramentas e o conhecimento para fazê-las, e porque estamos começando um novo ciclo com muito mais consciência, podemos transformar a onda de escuridão em uma luz brilhante. A própria soberania e a Congruência Divina são as palavras-chave para Setembro e teremos a oportunidade de testá-las neste mês bastante caótico.

A primeira coisa que eu notei em relação a Setembro é que ele tem uma presença forte , pois o mês começa com 1/9/1 (2017= 1). 2 de Setembro é 2/9 que é igual a 11. Então, temos o 11 de Setembro: 11/09, que é também o 16º aniversário da demolição controlada do WTC em 11/9/2001, e temos outra data de 11/09 em 29 de Setembro. Onze é o primeiro número mestre e este é um mês para a mestria, ou se entraremos no medo, onde seremos dominados. O movimento da integração da 3D/5D é muito forte agora e está acontecendo muito rapidamente, assim espere algumas trapaças neste mês, pois como você sabe, a escuridão não abre mão do seu poder e influência de forma voluntária ou fácil.

Então, temos o fim do Mercúrio retrógrado em 6 de Setembro, no grau do Eclipse de 21 de Agosto e Marte está no mesmo grau. Este grau, 29 graus de Leão, é o último grau do signo dos reis e governantes: você quer saber por que há tanto esforço sendo feito para controlar a humanidade? Você já notou o quanto o Google está censurando a Internet nas últimas semanas? Eu parei de usar o Google porque não consigo mais obter os resultados corretos de pesquisa. É o fim da era da governança (3D) e o início da própria soberania e este mês traz isto para que escolhamos o que desejamos fazer.

Se você assistiu as consequências das inundações de Houston, você viu centenas de pessoas trabalhando para ajudar os vizinhos e a comunidade, vivessem eles ao lado ou em todo o país, trazendo barcos para ajudar no resgate, trazendo alimentos, suprimentos e se voluntariando. Após os recentes problemas manipulados da corrida nos EUA, você também viu pessoas se unindo em Houston, sem consideração pela raça, cor, gênero ou qualquer outro preconceito. Neste momento de necessidade, as pessoas se ajudaram, bem antes que o governo mobilizasse qualquer recurso. Esta é a energia da 5D em ação e é uma ótima coisa de se ver. Mas, espere, há mais ações neste mês.

Em torno de 22 de Setembro, que é também a data do equinócio, cada planeta pessoal, o Sol, a Lua, Mercúrio, Vênus e Marte, estarão no signo de Virgem, um signo de terra. Este é o signo do serviço ou do servo, e também representa a cura, a perfeição, a colheita e, estranhamente, é também um signo da fertilidade. É o 6º signo do zodíaco, 6 é o número da descensão, trazendo o céu à terra. Durante este período de dois dias, Júpiter também passa por uma parte de Virgem e isto é supostamente um cumprimento do Apocalipse 12 da Bíblia.

Agora, eu não sou uma estudiosa da Bíblia (eu li a Bíblia várias vezes) e o que é importante sobre este período é descrito no Apocalipse 12 como a luta entre o céu e a terra, entre o Arcanjo Miguel e a “serpente”, significando o satanás ou demônio. No Apocalipse 12 diz-se que a serpente foi dirigida do céu para a terra e enquanto a Bíblia e os cristãos dizem que é a história da serpente ( ou o diabo)), colocado na Terra, penso, neste momento, em nosso ciclo da ascensão, que criamos o céu na terra, é a integração 3D/5D, assim é realmente a “serpente” que está sendo conduzida a partir da integração da 5D da Terra.

Aqui é onde fica um pouco estranho. Se você leu algum trabalho de David Icke, especialmente os seus livros da década de 90 e início de 2000, ele descreveu os reptilianos presentes no planeta. De acordo com Icke, eles são os membros da realeza, líderes do governo, governantes e qualquer pessoa no poder ou na “elite”. E embora ele fosse muito ridicularizado pelas suas teorias, o que ele escreveu provou ser verdade nos últimos anos.

Assim, a minha pergunta é: Será que este mês é o fim do controle da humanidade pela energia dos reptilianos, arcontes e draconianos? Isto é algo a considerarmos. Certamente, seria uma mudança bem-vinda e acho que isto está acontecendo agora, enquanto aceitamos a nossa divindade para nos tornarmos seres humanos espirituais divinos, e também rejeitarmos os aspectos puros da 3D do domínio, do controle e do poder que prevaleceram no mundo durante séculos. Esta não é a nova era; estamos avançando para a Era da Luz, e a batalha está em andamento. Quem está vencendo? Nós estamos, considerando quanto caos está sendo criado agora.

A questão do Curador Martirizado vem acontecer em Setembro: se continuaremos a manter esta energia ou entraremos na energia da Consciência Cristíca, que foi a verdadeira lição de Jesus para nós. Ele não veio nos mostrar o que ele poderia fazer ou como ele era melhor do que nós. Ele sempre dizia “Estas coisas vocês podem fazer e mais.” É o momento de descobrirmos o que é o “e mais”, porque precisamos nos desprender do Curador Martirizado, do Cristo na Cruz, sofrendo por causa da consciência de vítima da humanidade e nos tornarmos os líderes de luz autoconscientes, autocapacitados e autosoberanos que somos e que sempre fomos.

Podemos ser vítimas ou vencedores, servos e escravos a serviço da humanidade, mostrando-nos como vítimas para a cura dos outros, ou para expiarmos os nossos problemas cármicos, ou podemos ser os Faróis de Luz, servindo à Humanidade na forma de uma totalidade inspiradora que fornece o exemplo do que significa o verdadeiro empoderamento e a congruência energética.

Ou seremos governados ou dominaremos esta agenda e entraremos em nosso próprio poder, não para controlarmos os outros, mas para sermos soberanos. Este é um grande tema para o mês de Setembro.

Não irei dizer que estes não são tempos assustadores porque eles são. Estamos sendo atacados de todos os ângulos, desde as guerras climáticas às tecnologias de controle da energia, à censura, a uma mídia totalmente propagandista, a governos que negociam guerras, ao espectro de um ataque nuclear e outra guerra mundial.

Mas aqui está a questão de todos estes esforços: eles não funcionam se ninguém acredita neles e nem os aceita.

Eles não têm qualquer efeito quando estamos em nossas frequências mais elevadas. Todas estas tecnologias designadas a criar o medo e o drama trabalham com a FEB (frequência extremamente baixa) e com energias muito inferiores. Quando estamos em nossa frequência e vibração mais elevadas, elas não têm nenhum efeito sobre nós. Assim, precisamos nos concentrar em estarmos em uma frequência extremamente elevada e em níveis de frequência muito elevados para manter a nossa intenção de que este ciclo da ascensão continue avançando.

A atividade agitada de Setembro continua com o último trígono Júpiter/Urano, aos 27 graus de Libra, na última semana de Setembro, e Plutão segue direto na última semana, também, então, agora temos o grande transformador ao lado, avançando com as coisas. Em Outubro, Júpiter avança para Escorpião e teremos mais ênfase na transformação, pois capacitará Plutão (que rege Escorpião) e impulsiona a agenda da ascensão.

Nossa lua cheia é em 6 de Setembro que está bem em Netuno, o planeta que rege a espiritualidade e a ilusão. O que é ilusão e o que é realidade, e o que iremos escolher? O humano divino é uma ilusão ou uma realidade? Será que somos verdadeiramente emanações da Luz da Fonte, o que significa que somos divinos, também? Ou somos mutações de reptilianos sem poder?

A lua nova em 20 de Setembro destaca o stellium de Virgem e é o momento da colheita. Será que estaremos colhendo a nossa alegria ou sendo colhidos pelo medo? Sei que isto parece terrível, mas todo o controle e manipulação a que estamos sujeitos, tem um propósito sombrio e eu sempre me perguntei por que tanto esforço e energia são gastos para nos controlar. O que há de tão especial em relação a nós e a nossa energia que torna o controle disto tão importante? E se é tão importante e especial, podemos reivindicá-lo para nós mesmos como co-criadores de nossas realidades individuais e coletivas.

O que estamos percebendo agora é que temos que decidir e estamos escolhendo o paradigma da 5D da comunidade, da colaboração, da conexão e da compaixão, e não o paradigma da 3D do domínio, do controle, da competição e da ganância. Olhe ao seu redor e veja quem está despertando, preparado para rejeitar os paradigmas da 3D.

Seja esta luz brilhante que é a primeira coisa que eles veem quando procuram uma alternativa para o seu caos, seu sofrimento e medo. Brilhe intensamente para si mesmo e para o mundo, porque estamos realmente em um momento crucial e nos movendo para além da massa crítica. Estamos em um momento crítico. O trem da ascensão está em alta velocidade, movendo-se sem parar agora, não importa o que aconteça.

Mantenha a sua intenção para a paz, a alegria, o amor e a prosperidade que você deseja em sua vida e que se estenda para o resto do mundo. Devemos permanecer fortes, fiéis a nossa missão da alma da ascensão e acolhermos a nossa Consciência Crística para cumprirmos o tema de 2017, Congruência Divina.

Tenha um ótimo mês.

 

Direitos Autorais:
Site original: www.enlighteninglife.com 

Tradução de Regina Drumond Chichorro – reginamadrumond@yahoo.com.br      

Anúncios

Read Full Post »

RELATÓRIO DA ENERGIA DE DEZEMBRO DE 2016.


Mensagem de Jennifer Hoffman

maosdecura

Aqui estamos no último mês de 2016, e é um alívio bem-vindo estar no final do ano. Tem sido um desafio, mas é um ano “9”, o que envolve finais, encerramento e finalização. É por isto que o tema deste mês é: “Limpe o Convés e Navegue”. Nos navios, os convés são limpos, movimentando os objetos antes da navegação, para que eles não se movam e fiquem no caminho. À medida que avançamos neste mês, que é o último mês, neste ano 9 e o último ano em um ciclo de 9 anos, teremos muitas oportunidades para colocarmos tudo em ordem. Você pode até achar que alguns de seus “convés” são auto limpantes, quando pessoas e situações deixam a sua vida voluntariamente. Isto está bem; eles estão abrindo espaço para novas oportunidades.

Este relatório da Energia de Dezembro contém uma mistura de energias, algumas grandes e outras não tão grandes. Não é fácil fazer o nível de limpeza em que estivemos envolvidos por tantos anos, mas este mês é uma última passagem para o que esteve circulando desde 2007. Como você lida com isto e com o que vem a seguir? Está preparado para Dezembro? Ele está aqui e está acontecendo agora. Será um mês agitado.

Cada ano chega ao fim e este é o último mês de 2016, um ano de limpeza e de movimento, que tem sido um desafio, mas estamos no ponto final. Comecei a escrever este relatório várias vezes e não conseguia terminá-lo por razões que tinham a ver com a intenção coletiva de se posicionar e este é o mês para isto. Se você está familiarizado com o protesto de Standing Rock contra a rota do gasoduto de Dakota Access, através de sua fonte de água, um tribunal rejeitou a queixa da tribo de índios sioux, depois de pesados protestos e a presença de 2000 veteranos americanos. O governo federal decidiu suspender a construção do oleoduto. Este é um momento significativo para nós e muda o cenário para 2017. Fomos desafiados a defendermos o que acreditamos e o que beneficia o coletivo. O fato de se posicionar pode levar a uma recusa ou a uma abdicação, mas uma coisa que aprendemos com esta situação é que o poder está conosco, com o povo, e em um paradigma do poder na 5D, o poder não corrompe, ele une.

Estamos ainda ressoando com a energia da lua nova de 29 de Novembro que se dá em quadratura com Netuno, o planeta que rege o petróleo e o gás, bem como a ilusão e a fraude. Ao mesmo tempo, estamos sob a forte pressão de Marte, que estará muito ativo nas próximas duas semanas e aspecta, de maneiras poderosas e positivas, todos os grandes planetas, especialmente Plutão (transformação), Urano (revolução), Eris (guerreiro para a justiça), Saturno (lógica, disciplina, lições e realidade), e Júpiter (expansão, pensamento superior) para tomarmos uma posição pelo que acreditamos e queremos, agora e para o futuro.

A ação de Marte é muito simbólica porque ele rege Áries, o signo do pioneiro e o primeiro signo do zodíaco. Em Aquário, ele está em mútua recepção com Urano, que rege a comunidade e o coletivo, permanecendo em Áries até Maio de 2018. Recepção mútua significa que Marte e Urano estão no signo, um do outro, e isto faz a primeira semana de Dezembro, quando Marte se conecta exatamente com Urano, o super poderoso. Temos o planeta da ação se encontrando com o planeta da revolução e não nos esqueçamos de Eris, a energia feminina do guerreiro divino, que está também em conjunção com Urano. Mais do que ação, contudo, é a conexão Marte/Urano, onde um se torna Um, unindo o pioneiro com o coletivo, convidando o indivíduo a se unir à comunidade. Esta é a inteligência divina operando e somos convidados a nos unirmos, reconhecendo tanto a nossa divindade, quanto a nossa humanidade; a nossa individualidade, bem como a nossa adesão ao coletivo.

Será que há algum alívio neste mês? Sim, há, mas o alívio não chega com uma massagem, um chá quente e uma almofada macia para os nossos pés. Ele, com frequência, chega a partir de novas compreensões, percepções, verdades e um desejo de mudança que é tão forte que somos obrigados a criá-la, geralmente depois de termos experimentado a confusão, a dor e o sofrimento. Dezembro é um mês que mantém o potencial para a conclusão e o encerramento que dá origem à transformação, se estivermos dispostos a agir e a permitir que isto aconteça.

A união de pessoas através de um objetivo comum e compartilhado não é nova, mas hoje é mais significativa do que nunca. Temos que compreender que somos os criadores, somos poderosos e é a nossa intenção coletiva que é a chave para um mundo em que a paz, a alegria, o amor e a abundância estão disponíveis para todos. Passamos por um ciclo poderoso que começou em 2007 e em 2016 tivemos o último ano deste ciclo. 2017 inicia um novo ciclo de energia.

2016 foi um ano “9”, o que simboliza conclusão e términos. O ano 9 mais recente foi em 2007, e o novo início que se seguiu em 2008, um ano “1”, foi marcado pela crise bancária global e econômica. Agora estamos na ponta de um novo ano “1”, onde um ciclo se inicia e este requer que a intenção coletiva seja uma intenção capacitada para todos. Temos experienciado os abismos do desespero, agora nós estamos preparados para a alegria, mas de uma maneira equilibrada e isto criamos para nós mesmos. Quanto mais sabemos hoje do que em 2008? Quanto mais conectados estamos e somos capazes de usar veículos para a conexão como a Internet, celulares e a mídia social?

O modelo de vida “feito para você” foi uma opção tentadora e nos tornamos pessoas preguiçosas e inativas, robôs, e perdemos a nossa criatividade. Isto exigiu que vivêssemos como vítimas incapacitadas, não mais soberanas em nossas realidades individuais e coletivas. Estamos agora entrando em um novo ciclo de energia e enfrentamos uma verdade séria, que se quisermos a festa, temos que estar dispostos a passar algum tempo cozinhando na cozinha.

Este novo ciclo desenvolverá a nossa intenção, o alinhamento e o pensamento focado na mestria. Assim, se estivermos dispostos a explorar os benefícios das vibrações mais elevadas, das novas frequências e dos novos potenciais, teremos o apoio que precisamos e deveremos tomar medidas. Esta é a diferença entre cantarmos sozinhos e com uma orquestra completa. A música é a mesma, mas ela parece mais rica e mais completa quando todos na orquestra estão nos apoiando.

Recebemos mais apoio em 14 de Dezembro com a lua cheia de Gêmeos, que, novamente, entra em aspecto com todos os grandes planetas (exceto Netuno) e o Solstício no dia 21, o que muda o equilíbrio luz/escuridão e sentiremos isto energeticamente, também. Temos o presente de um Mercúrio retrógrado começando no dia 19 e que está em Capricórnio, regido por Saturno e o signo das corporações e dos “grandes negócios”. Mais do que um incômodo e uma interrupção com a nossa jornada e comunicações, Mercúrio rege o carma e a nossa ligação com ele. Este Capricórnio retrógrado irá trazer à tona questões sobre o carma corporativo e o final das influências corporativas que há muito tempo tem desempenhado um papel excessivamente poderoso na sociedade.

Será que queremos continuar a permitir que governem o mundo, ou estamos preparados para nos posicionarmos energeticamente e resgatarmos a nossa soberania que temos ignorado e sacrificado por tanto tempo?

Acredito que a família da humanidade está finalmente vendo o valor da conexão e como somos poderosos quando nos unimos com uma intenção compartilhada que inclui o nosso desejo pelo que queremos em nosso mundo, expandindo-o para o resto da humanidade. Desde que estamos aqui para a nossa própria cura, quando expandimos o que curamos para o resto da humanidade, completamos o nosso ciclo de cura universal e isto acelera o processo da ascensão.

O que perceberemos neste mês é que não temos que trabalhar tanto para mudarmos o mundo e isto não acontecerá com o nosso sofrimento – o paradigma do Curador Martirizado está terminado. O que muda o mundo é a nossa intenção de termos um mundo de equilíbrio, igualdade, congruência, compaixão e justiça. Nossa intenção de levarmos uma vida poderosa cria o Empoderamento para nós e o mundo. Portanto, não podemos nos concentrar nos problemas que vemos no mundo. A única razão pela qual vemos os problemas é que agora temos o acesso à solução porque estamos acima da frequência do problema. Somos os “escolhidos” e os eventos neste mês irão nos revelar isto. Tudo o que temos a fazer é acolhermos esta compreensão e usá-la para agir.

Os grandes momentos neste mês (sim, há mais) acontecem ao redor do Natal e do Hanukah (Natal Judeu), que ocorrem no mesmo dia neste ano. É também um momento em que uma grande porcentagem das pessoas no mundo está fazendo e pensando a mesma coisa. Acredito que o “espírito das festas” será forte em muitas pessoas e isto receberá o apoio de aspectos planetários mais incomuns, já que todos os principais planetas (exceto Netuno), estão no mesmo grau ou muito próximos e estão aspectando o outro de formas positivas. Considerando como eles se movem lentamente e os seus longos retrógrados anuais, isto é muito incomum, de fato.

Mas isto ressalta algo que eu estive dizendo por muitos meses: que temos o apoio que precisamos para fortalecermos as mudanças que queremos fazer. Temos apenas que saber que o poder está aí, e está aí para nós acolhermos e usarmos.

E vivemos em um sistema energeticamente sinérgico, onde tudo funciona em conjunto, para apoiar a manifestação, a criação e a transformação. Assim, as ações dos planetas criam uma ressonância que podemos usar para capacitar a nossa própria transformação. Quando acreditamos que operamos isoladamente e seguramos os fardos do mundo, ignoramos todas as soluções e o apoio que estão disponíveis para nós. Podemos manter a ressonância da energia universal e a atividade futura para manifestarmos a transformação poderosa.

À medida que encerramos este mês e este ano, podemos recordar o que conseguimos em termos de aprendizagem, cura, crescimento e transformação. Embora a sua vida possa não parecer diferente no exterior e você possa ainda ter alguns dos desafios pessoais que tinha no início do ano, você está se sentindo mais capacitado para fazer as mudanças que irão levá-lo a um novo paradigma para a sua vida?

Permita que algo termine este mês, conceda-se a conclusão, o encerramento e a paz. Defina a sua intenção para o que você quer no novo ano e neste novo ciclo. Nunca houve um momento melhor para explorar o quanto você pode ser poderoso em sua realidade e todos nós podemos estar em nossa realidade coletiva. Somos a “família” da humanidade e é o momento de deixarmos de lado as nossas disfunções e começarmos a explorar a verdadeira conexão, sinergia, e autoconsciência. É isto o que nos salvará e o mundo, e tornará o céu na terra mais do que uma promessa; criará isto como a nossa realidade individual e compartilhada.

Tenha um mês maravilhoso, os melhores votos para uma temporada de festas cheia de alegrias e um novo ano próspero, abundante e abençoado.

 

Direitos Autorais:
Site original: www.enlighteninglife.com      

Direitos Autorais © 2015 de Jennifer Hoffman. Todos os direitos reservados.

Você pode citar, copiar, traduzir e criar um link para este artigo em sua totalidade, em sites gratuitos. Qualquer uso parcial desta informação é estritamente proibido. Qualquer uso desta informação sem o devido crédito e atribuição da autora também é proibido.


Tradução de Regina Drumond Chichorro – reginamadrumond@yahoo.com.br

Read Full Post »

 

RELATÓRIO DA ENERGIA PARA MARÇO DE 2016.
Mensagem de Jennifer Hoffman
1º de Março de 2016

 

flordavida2

Feliz Dia do Ano Bissexto! Recebemos um dia no ano bissexto a cada 4 anos, assim este é um dia especial. É um dia 11 (2+9) em um mês 11 (Fevereiro é o 2º mês e 2016 é um ano 9), assim temos muita energia ressonante. E 29 de Fevereiro além de 2016 é um dia 13, o número da Consciência Crística, que é a ascensão completa. Esta é também a 9ª semana do mês em um ano 9, assim a energia é ampliada consideravelmente. Estamos entrando em um mês 3 que tem uma vibração 22 durante todo o mês, um número da mestria. Estão preparados para um grande salto na transformação? Podemos consegui-lo neste mês.

Março é um mês muito carregado, com muita ação e oportunidades para o movimento.
Enquanto eu estava pensando na energia de Março, as palavras “elevação e brilho” vieram a mim. E eu acho que é apropriado para este mês muito agitado. Diz-se que o mês de Março “vem como um Leão e sai como um Cordeiro”. Embora este termo se refira ao tempo, acho que em um nível energético, iremos ouvir alguns rugidos neste mês: há muito acontecendo. O mês começa na 9ª semana do ano com um ano de vibração 9. Nove é o número da conclusão e do “céu na terra”, e todos os tipos de conclusão são apoiados. Março é o terceiro mês e com o 9 de 2016 (9+3=12 ou 3), nós temos uma vibração de duplo 3 durante todo o mês, o número da Mestria Iluminada. Então, teremos dois Eclipses e o Solstício, bem como a habitual atividade planetária pesada e contínua em segundo plano. Se você esteve querendo avançar, este pode ser o seu momento para decolar. Lembre-se apenas de permanecer ancorado. É fácil perder o seu equilíbrio quando há muita atividade acontecendo.

Em primeiro lugar, vamos falar do 33, de Março, porque é o aspecto mais importante. A “Mestria Iluminada” é uma coisa complicada, pois podemos ligar muitas expectativas a este termo e, então, ficarmos desapontados se parecer que nada acontece. Pensamos nele como uma “dádiva de Deus”, e é tudo, menos isto. É realmente a nossa própria ativação da energia da Fonte, onde criamos espaço em nossa humanidade para a nossa parceria com a divindade co-existir dentro de nós.

Embora possamos preferir vê-lo como uma dádiva ou uma bênção especial, somos aqueles que nos abençoamos com este novo nível de dualidade – o humano e o divino no mesmo espaço físico. Estamos liberando a polaridade com a integração e a ascensão à 5D, e polaridade e a dualidade não são a mesma coisa. Polaridade é a separação da 3D. Dualidade é a multidimensionalidade da 5D, a co-existência de uma pluralidade de frequências energéticas expandidas.
É preciso algum tempo para que a nossa realidade material alcance a nossa realidade espiritual, assim não considere tudo o que acontece sob a superfície, porque é onde a verdadeira ação ocorre. Uma vez que vemos os efeitos em nossa realidade material, toda a ação energética já aconteceu. É como se sentar para uma refeição agradável em um restaurante. Todo o trabalho que levou para preparar esta refeição já aconteceu. Não lhe é servido um prato cheio de ingredientes e lhe é dito que se ocupe se quiser comer. Você recebe a refeição já preparada. Neste caso, a “refeição” é o resultado que está alinhado com a sua intenção, assim o mantenha elevado.

E não julgue nada que você ache que está ou não acontecendo durante o mês, porque o que você percebe como sendo errado ou não satisfatório, é um sinal de seu próprio progresso. Você está se desconectando de suas próprias conexões dos paradigmas da 3D e buscando novas possibilidades de potenciais. Novamente, é um pouco complicado porque você pode ter expectativas de como isto poderia acontecer e alguns dos resultados podem ser decepcionantes, especialmente se eles envolverem grandes mudanças nas pessoas e situações que você não esperava.
Em seguida, temos um Eclipse Solar Total, em 9 de Março, o que não é incomum, pois geralmente temos Eclipses em Março. Mas este é especial, porque ele está trazendo muito poder espiritual junto, para criar uma tempestade perfeita para a cura e a transformação. Com as suas conexões com Júpiter, Chiron, Saturno, Plutão, Marte, Vênus, o Nodo Norte, Ceres, Plutão e Mercúrio (todos os planetas), muito carma será agitado e a lacuna entre a 3D e a 5D ficará ainda maior. Saturno está em quadratura com toda esta energia espiritual, convidando-nos a escolher o nosso caminho, mas não em um caminho de separação. Estamos no caminho da integração nas realidades da 5D.

 A presença de Saturno nos pede para colocarmos os sapatos de adultos, nos quais sabemos que podemos nos encaixar. Grande parte dos ensinamentos espirituais de hoje são de fadas, amor e luz, o que é uma fuga da realidade, e não um caminho para ancorar o mundo espiritual no material. Lembre-se de que estamos trazendo o céu à terra como uma integração, não destruindo a terra para que o céu possa assumir.
Isto pode criar grandes lacunas de energia em sua própria vida enquanto o seu caminho para a congruência energética se estreita, o que significa que a manifestação acontece mais rapidamente em todos os níveis. Assim o relacionamento que estava confuso, termina de repente, ou a coisa que você queria, aparece, e agora você tem que pensar como irá integrar isto em sua vida. Ou você decide que não quer mais interagir com determinadas pessoas e situações e tem uma descarga emocional épica com todos em sua vida, o que torna os seus sentimentos muito claros, talvez, pela primeira vez. Não se critique ou se julgue por ser insensível ou egoísta. Provavelmente você esteve carregando esta energia por muito tempo e como tudo o que foi negado, reprimido e não expresso, quando se manifesta, não é bonito.

Pense nos aspectos do eclipse como estando nos quatro cantos de um quadrado, derramando energia no quadrado e estamos no meio. A questão com a Mestria Iluminada não é “O que você quer curar”, mas “O que você quer criar agora”. Com este nível de mestria, o passado se torna um detalhe de contribuição se continuarmos a movimentar a nossa energia para os próximos níveis da criação, para o que é a multidimensionalidade em expansão. Torna-se uma âncora para a nossa expansão se nos concentrarmos nisto e continuarmos a tentar transformá-lo em algo mais. O que está acontecendo agora é tudo o que importa, porque é a única coisa que podemos controlar ou sobre o qual termos algum poder. E apesar de tudo o que aconteceu nos últimos 70 anos com respeito ao controle da energia/mente, temos a soberania sobre a nossa própria energia.

A grande quantidade de energia espiritual que está se derramando neste quadrado, está aumentando tudo no quadrado, o que inclui todas as suas crenças, pensamentos, esperanças, medos, sonhos e a realidade atual. O que você quer ver mais em sua vida? O que quer ver menos em sua vida? A energia não tem julgamento e ela eleva todas as frequências e pensamentos. Mantenha a sua alinhada com o que você quer criar agora.
O Equinócio em 21 de Março é o início do ano astrológico, o zodíaco reinicia em 0 em Áries e começamos outro ciclo. Mas já estamos em alguns ciclos novos e poderosos, assim este equinócio se torna o ponto focal para a transformação. Pense nisto como nosso novo ano cósmico e coloque algumas intenções para novos inícios, que é o que Áries representa. Com o seu regente, Marte, entrando em outro signo do fogo, quando ele se prepara para outro movimento retrógrado em Abril, há muita energia para empreender uma ação guiada e intencional agora. Mas Marte está em sua sombra retrógrada também. Assim espere rever isto novamente nos próximos meses, quando Marte retrógrado termina em 21 de Agosto.

Não nos esqueçamos de nosso segundo Eclipse em 23 de Março, logo após o Equinócio, o que realça Mercúrio, e em trígono com Marte, que está em sombra retrógrada. É outro ponto de poder neste mês, que pode trazer surpresas inesperadas: não subestime o poder de Mercúrio. Ele pode ser o menor planeta, mas tem fortes laços com o carma, nosso poder criativo, e nossas lições de vida. Ele também rege o 3º signo no zodíaco. Outro “3” em um mês que tem uma energia densa de mestria.
Se você está se perguntando como fazer isto, com tudo o que está acontecendo agora, lembre-se de que estamos trabalhando a partir de nosso estado de “mestria iluminada” neste mês. Estamos no comando aqui, controlamos os fluxos de energia – eles apenas fluem em todas as direções. Precisamos ser instrumentos abertos, alinhados, congruentes com fortes intenções e grandes resultados para que a energia flua.

E eu tenho que mencionar a contínua quadratura Urano/Plutão porque ela está ativa também agora, e permanece conosco durante todo o ano. Acho que é por isto que estamos vendo tanta correção social, informações e diferentes tipos de revelações no mundo agora. Elas estão surgindo devido à constante pressão da quadratura Urano/Plutão. Até mesmo a revelação dos experimentos do controle da energia/ mente humana refletem isto. No início dos anos 60, quando estes testes estavam acontecendo em todos os lugares, Urano e Plutão estavam em conjunção em Virgem, que é também o signo que está atraindo toda a atenção neste mês.
O que circula, eventualmente retorna, e débitos cármicos têm uma estranha maneira de acontecer quando menos os esperamos. Vamos ver o que acontece nos próximos meses, quando mais pessoas avançarem com a informação e a verdade, e tivermos que descobrir o que fazer com elas. A raiva é uma resposta, mas também é a liberdade que é possível quando soubermos qual é a verdade e tivermos toda a informação a nossa frente.

Saturno está estacionando, ficando parado, enquanto ele se prepara para virar retrógrado em 25 de Março, repetindo um ciclo de Junho a Novembro de 1987. Você poderá ver algumas repetições deste tempo, na forma de pessoas, crenças e situações. Elas são pontos de reinício, onde podemos definir a energia para novos níveis e fazermos escolhas diferentes. Quando isto termina? Não termina, a energia continua se movimentando e fluindo e podemos usá-la para fazer escolhas diferentes, avaliarmos os nossos resultados e reajustarmos a forma com que usamos a energia.
O último final de semana de Março é a semana da Páscoa, quando comemoramos a ressurreição e a ascensão de Jesus, como uma metáfora religiosa para o nosso próprio caminho da ascensão. Podemos nos elevar neste mês, há muita energia para isto, ou podemos deixar que os nossos medos nos alcancem.

Não procure o final da estrada agora, procure novos horizontes que a sua alma está lhe pedindo para explorar, pois você cumpre um aspecto de seu propósito de vida e se prepara para entrar em novos potenciais e novas missões da alma. Ciclos de cura precisam terminar quando aceitamos a nossa integridade, para que possamos entrar na congruência energética. O passado representa o que você já terminou e é um trampolim para o presente e o futuro. Finalmente, é um mês para a ação, mas este processo começa com o alinhamento, não a aceleração. Precisamos ter uma direção, em primeiro lugar, antes que entremos no carro e decolemos. Abra amplamente as suas asas neste mês; é o momento de voar. Tenha um mês maravilhoso.

 

Direitos Autorais:
Site original: www.enlighteninglife.com
Direitos Autorais © 2015 de Jennifer Hoffman. Todos os direitos reservados.

Tradução de Regina Drumond Chichorro – reginamadrumond@yahoo.com.br

Read Full Post »

RELATÓRIO DA ENERGIA PARA FEVEREIRO DE 2016


Mensagem de Jennifer Hoffman

fechadura

 


Estamos começando outro mês. Você está ainda aqui? Sei que a energia tem sido caótica nos últimos dias e a última semana foi muito difícil, mas agora estamos em um novo mês e ele traz uma lufada de ar fresco. Ele trará também algum alívio para aqueles que precisam de uma pequena pausa, mas não fique muito confiante: este é um mês de energia mestre, pois é de uma vibração 11, e é um ano bissexto, assim teremos 29 dias em vez dos 28 regulares (e 2+9 é também 11). Teremos outro em Novembro. Haverá muitas mudanças de energia e alterações durante todo o mês, assim se prepare.

Muitas vezes, perguntam-me por que as pessoas parecem estar tão caóticas ultimamente e isto tem a ver com a forma com que elas processam a energia. Já estamos em uma massa crítica e alcançamos um momento crítico, assim todos ficam afetados por esta energia, voluntária ou involuntariamente. É como o clima: quando está quente lá fora, todos sentem o calor. Se você sabe o que está acontecendo, pode processar isto com mais facilidade do que aqueles que não têm idéia. Isto traz uma grande quantidade de energia negativa, assim tenha as suas ferramentas de limpeza à mão. E se decidir fazer uma desintoxicação neste mês, esteja ciente de que você pode trazer muito mais do que o esperado, assim seja gentil com você.

Está tudo detalhado no relatório da energia de Fevereiro para você, que é a mensagem desta semana.

Há muita coisa acontecendo em Fevereiro e se você passou por momentos difíceis em Janeiro, eu não acho que este mês seja uma repetição daquela energia (o que é uma boa coisa). Mas embora os fluxos possam ser mais equilibrados do que no mês passado, este é um mês de número mestre, com uma vibração 11. E este é um ano bissexto, assim teremos 29 dias neste Fevereiro, um dia extra desta energia mestre. Isto significa que teremos uma energia de frequência mais elevada com que trabalharmos, mais tempo para praticarmos o que aprendemos até aqui, e tudo é objeto de revisão, liberação e renovação, enquanto começamos o mês em Mercúrio em sombra retrógrada. O foco de Fevereiro no amor trará esta energia à tona, com o Dia dos Namorados, no dia 14 de Fevereiro, novos inícios com a lua nova e o Ano Novo Chinês no dia 8, Mercúrio deixa a sua sombra no dia 15, estaremos nos preparando para a quadratura Júpiter/Saturno em Março e haverá um dia extra para processarmos tudo.

Apenas uma nota: Da última vez que tivemos um ano bissexto foi em 2012. Será que alguém se lembra do que estávamos pensando em 2012? Isto está chegando novamente. Talvez, desta vez, iremos nos sentir como se chegássemos a algum lugar com o processo da ascensão (já chegamos, só para que você saiba). Acho que a razão pela qual ficamos tão decepcionados da última vez, é que acreditamos que a ascensão iria acontecer para nós, em vez de ser um processo auto-direcionado. Assim, enquanto estávamos todos olhando para fora à procura de alienígenas, naves espaciais, anjos e transfigurações milagrosas, estava tudo acontecendo nas nossas costas. Agora, estamos olhando na direção certa e podemos ver a ação, enquanto ela acontece, porque aí estamos.

A energia flui como a maré, ela chega gradualmente., avançando e recuando ao longo de um período de tempo. Se você já esteve na praia durante a maré alta, não percebe que a água está se aproximando de você, até que observa a sua toalha molhada. Tenha isto em mente neste mês, e na maior parte deste ano, pois cada nível de energia que alcançamos surge do trabalho que fizemos no anterior. Este mês traz uma grande quantidade de energia mestre, significando que a energia nos permite alcançar novos níveis de mestria se estivermos preparados para isto. Caso contrário, a energia aí estará de qualquer maneira, caso decidamos usá-la. Júpiter está em Virgem, começando um despertar espiritual de 12 anos e um ciclo de consciência, e está em conjunção com o nodo da Lua neste mês, o que lhe dá uma frequência exponencialmente mais elevada. Esta é a espiritualidade nos asteróides, na manifestação instantânea, na criação espontânea, e na força que está com você. Use-a com sabedoria e a use bem. Nós obtemos o que pretendemos e pedimos, e se não tivermos a intenção e pedirmos, não estaremos extraindo o máximo desta energia muito poderosa.

Se você protelou as mudanças por algum tempo, neste mês elas podem estar chamando o seu nome. Você já pode encontrar a motivação, a determinação e a coragem para fazer esta escolha. A palavra “coragem” vem da palavra Francesa “coeur”, que significa coração. Coragem é a presença do coração, não a ausência do medo. E com um mês cujo foco está no amor, é um bom momento para dar uma olhada no que o seu coração está pedindo. Não a partir do seu estado magoado, querendo ser curado, mas a partir do seu desejo de plenitude e congruência com alegria, satisfação, confiança, segurança e paz. O que é preciso para criar um coração tranquilo em você? Com a cura, nós procuramos as peças que faltam e tentamos encaixá-las para formar um todo, preenchendo os buracos ou lacunas que o nosso medo e a nossa dor criaram. Então, devemos dar este próximo passo com coragem – do coração – para abraçarmos a totalidade e, então, podermos criar a harmonia que surge da congruência, onde todas as partes se encaixam perfeitamente. E que momento melhor para fazê-lo do que em um mês cujo foco está no amor?

Grande parte deste mês, e deste ano, incluirá um forte foco nas feridas da alma, no trauma, na dor e nos nossos medos em relação a eles. À medida que nos afastamos da polaridade da 3D e nos dirigimos para a dualidade da 5D, saímos também da cura para a integridade e para a congruência energética. Este é o objetivo de nosso propósito e isto pode acontecer organicamente quando nos entregamos – o que significa parar de lutar, não de desistir – com o nosso próprio processo.

O que está erguendo a sua mão para deixar a sala, porque algo está diante da porta, à espera de entrar em sua realidade? Olhe para o novo horizonte, não para o passado que você desejaria ter acontecido de forma diferente.

A lua nova no dia 8, é também o Ano Novo Chinês, e o símbolo deste ano é o Macaco de Fogo (a cada vez que eu penso nisto, imagino um macaco disparando fogos de artifício). Macacos são inteligentes, errantes, e muito espertos, assim após o ano do Carneiro/Cabra de Madeira de 2015, este ano poderá trazer mais ação, assim espero. Será que o ano do carneiro/cabra lhe mostrou para onde você deve seguir, em vez de conduzir, onde você entrega o seu poder, e onde não cria fortes intenções? Esta lua nova também é significativa, pois ela envolve todos os planetas, incluindo Chiron, o curador ferido. Você acha que algumas feridas individuais e coletivas podem estar vindo à tona? Procure mais segredos e a dinâmica coletiva para construir a verdade, a transparência e a transformação em tudo. A CIA dos Estados Unidos acaba de liberar milhares de documentos sobre a presença alienígena nos anos 50 e 60. Eles já podem admitir esta presença agora.

Este mês estende a energia que tivemos em Janeiro, movendo-nos mais na direção da dualidade da 5D, que está se tornando multidimensional. Este é o novo território para nós. Estamos indo para “onde nenhum homem jamais esteve”, literalmente, assim não espere saber todas as respostas, porque você não pode. Mas isto não se trata de pergunta e resposta, porque estamos liderando o movimento. A ascensão acontece por nossa causa e pelo nosso desejo de estarmos em nossa vibração e frequência mais elevada. A 3D é desvendada para criar espaço para viver e ser em dimensões mais elevadas e isto é o que planejamos o tempo todo. Apenas levou um pouco mais de tempo do que pensávamos.

Nada podemos fazer de errado, mas podemos perder as oportunidades de nos prepararmos agora para mudanças maiores que chegam neste ano. Nas previsões de 2016, eu escrevi que de Janeiro a Março é estabelecida a base para o ano. Estamos agora no segundo mês deste período. Com a vibração da mestria de Fevereiro, temos toda a energia que precisamos para continuar com o impulso. Lembre-se de que você é um receptáculo de energia, assim mantenha este receptáculo escancarado e com a energia fluindo.

Tenha um mês maravilhoso.

 

Direitos Autorais:
Site original: www.enlighteninglife.com

Direitos Autorais © 2015 de Jennifer Hoffman. Todos os direitos reservados.

Tradução de Regina Drumond Chichorro – reginamadrumond@yahoo.com.br

Read Full Post »

RELATÓRIO DA ENERGIA DE JULHO DE 2015
Mensagem de Jennifer Hoffman
1º de Julho de 2015

ESTRELA-DO-MENINO-JESUS

O final de Junho chegou e podemos deixar de prender a respiração. Junho foi um mês difícil, com o tipo de energia e atividade que geralmente acontece no final ou início de um ciclo. Estamos agora, finalmente, no final do primeiro semestre de 2015 e no início de um ciclo diferente. Estive dizendo que o segundo semestre deste ano seria diferente (e mais fácil) do que o primeiro, e ele começa com uma conjunção Vênus/Júpiter, uma repetição da “Estrela de Belém”, que anunciou o nascimento de Jesus Cristo há 2.000 anos.

O tema de Julho se refere à luz, como detalhado no Relatório de Energia deste mês, e concluímos um ciclo longo e difícil, mas não é o momento de sentarmos e relaxarmos. É um grande momento para estarmos aqui. Estão preparados para começar a trabalhar?

Finalmente é Julho, pelo qual estivemos esperando desde o início deste ano. Sabia que as coisas seriam diferentes uma vez que alcançássemos este ponto, mas foi uma jornada e tanto para chegarmos aqui. Ainda que estivéssemos neste caminho por muitas décadas, tudo trouxe a este ponto. Seríamos capazes de passarmos pelas últimas dores do parto, ou cederíamos nos últimos momentos? Tem sido cansativo, desanimador, frustrante e perturbador. Mas estamos ainda aqui e nosso novo mês e ciclo são introduzidos com uma brilhante “Estrela de Belém”, a conjunção dos dois planetas mais brilhantes, Vênus e Júpiter, com uma lua cheia. Que maneira de começarmos um novo ciclo, com as luzes mais brilhantes participando no céu!

Sempre que alcançamos o final de um ciclo, sentimos alívio pela “conclusão”, mas a cada final, chegamos também em um início, e a espiral da ascensão e da evolução continua nos impulsionando em nossos próximos passos. Não, nós não conseguimos “descansar”, pararmos, temos que permanecer no fluxo do movimento da energia que criamos, mas agora não temos que trabalhar tanto. Haverá um momento para cheirarmos as flores e admirarmos a sua beleza, mas não podemos nos esquecer de que a limpeza do jardim é um trabalho contínuo. Se você é um jardineiro, sabe que a poda é o que permite que novos botões se formem, para que as plantas desabrochem continuamente.

Veremos muitas pessoas passarem pelo processo do “despertar”, em Julho. Lembre-se apenas de que algumas pessoas ficam muito irritadas quando elas despertam. Você já notou como há muitas pessoas zangadas, ansiosas, frustradas e perturbadas no mundo agora? Elas despertaram para uma realidade com que elas não estão muito felizes e estarão esperando pela luz. Você pode ser a luz que elas vêem, se você se lembrar de brilhar intensamente. O trabalho de luz não é tão necessário quanto ser um “farol de luz”, e a cura entrou agora na totalidade. Quanto mais consciente você estiver e em sua própria energia, melhor guia, mestre e recurso para o mundo será.

A Luz será um tema forte em Julho, enquanto o Sol e Marte continuam a caminhar juntos nas primeiras semanas. Começamos o mês com uma lua cheia e com a conjunção Vênus/Júpiter. Julho tem também duas luas cheias, acrescentando o tema “luz” neste mês; a segunda é em 31 de Julho. Haverá muita energia da luz para revelar qualquer escuridão e isto estará acontecendo agora. Escrevi que este mês incluiria a revelação de segredos e este processo já está começando. A Revelação será outro tema neste segundo semestre de 2015, não no sentido bíblico, mas informações anteriormente ocultas sendo descobertas e conhecidas.

Isto será difícil para algumas pessoas que terão dificuldades em compreender os conceitos dos seres humanos como multidimensionais, intergalácticos e extraterrestres. Eu sempre pensei que não estávamos sozinhos no universo e embora alguns de vocês possam receber a confirmação, outros podem não receber bem esta informação.

Saturno está retrógrado no final de Escorpião agora, e se você nasceu entre 1956 e 1962, você tem Plutão nesta quadratura, em Julho e Agosto. Isto também aconteceu em Dezembro de 2014 e faz uma última passagem em Setembro de 2015. A primeira passagem é geralmente a fase do despertar, a segunda é onde você obtém a confiança para fazer as mudanças, e na terceira, ou você terminou o processo, ou está muito perto de fazê-lo. Este é um chamado de despertar para todos os primeiros Índigos. É o seu momento de brilhar também, assim, sacuda o pó dos seus dons e sonhos e os coloque em uso. Nunca houve um melhor momento para a transformação, de dentro para fora. Veremos os resultados finais disto no Equinócio de Setembro.

A energia de Julho nos incentiva a expandirmos a visão que temos de nós mesmos, de nossas vidas e do mundo. Cada um vê o mundo através dos seus próprios olhos, assim duas pessoas não podem ver o mundo da mesma maneira. Embora tenhamos visão individual, podemos ter uma visão compartilhada do mundo, como queremos vê-lo. O processo começa quando estamos desiludidos com a realidade atual e, então, estamos preparados para abrirmos a nossa percepção para a possibilidade de novos potenciais. Temos que estar cansados da atual realidade antes que estejamos preparados para criar uma nova. Se você tem uma visão de um mundo liderado pela luz, pelo amor e pela paz, então, você tem também a coragem de ajudar a tornar esta visão uma realidade.

E o momento é agora; fizemos o trabalho árduo, mas agora temos que lhe dar um último impulso. Não é assim o nascimento? O trabalho árduo começa no final, nós ainda temos que “empurrar” o bebê. Então, temos uma nova vida para amarmos, cuidarmos e guiarmos. Ao que estão preparados para dar à luz agora?

Qual é a sua nova visão para a sua realidade? Seja o que for com que esteja desiludido, é um bom espaço para começar, porque isto é onde a sua nova visão pode começar. O que você colocou de lado, ou não permitiu que se manifestasse, e que está preparado para fazer agora? Cada momento é uma oportunidade de revermos as nossas vidas e o nosso mundo, para continuarmos a construir de acordo com o que aprendemos, de resplandecermos a nossa luz, de trazermos mais energia às grades da Terra.

É isto que é o Céu na Terra: trazer as energias do Céu à Terra. Somos todos condutores de energia, e quanto maior for a nossa visão, maiores condutores de energia nos tornaremos e mais luz estaremos dispostos a brilhar e a compartilhar, e mais luz receberemos. Este é um mês para brilharmos intensamente.
Tenha um mês maravilhoso.

-…..—==II==—-…..-     Direitos Autorais:
Site original: www.enlighteninglife.com

Tradução de Regina Drumond Chichorro – reginamadrumond@yahoo.com.br     Gostou! Compartilhe com os Seus Amigos.

Read Full Post »

luz-divina

AS ENERGIAS DE JULHO DE 2013


Mensagem de Jennifer Hoffman
2 de Julho de 2013

Enquanto começamos este novo mês, começamos também o segundo semestre de 2013.

Ao invés de perguntarmos “O que há em seguida?”, uma pergunta melhor seria: “O que restou?”, como o que resta para aprender, compreender, liberar, re-calibrar, ajustar e limpar, porque parece que isto é tudo o que estivemos fazendo desde Janeiro e muito tempo antes disto.
Mesmo com o Mercúrio retrógrado deste mês, temos alguns momentos mais suaves à frente, à medida que entramos neste novo período. Julho é um mês fantástico para a limpeza e a preparação dos novos inícios (que podem não chegar até Setembro), que podem ser feitos de qualquer maneira que gostem, com graça e facilidade, ou com uma dose saudável de caos.

Ultimamente, muitas pessoas estiveram me perguntando como elas podem saber que elas fizeram o seu trabalho de limpeza, que ascenderam e algumas temem que elas percam ou que perderam todo o evento. É um processo contínuo e não há nada a perder, nem há um evento que irá marcar quando isto estiver concluído.

O que estamos fazendo agora e que não fomos capazes de fazer antes, é ver onde fizemos progresso, onde estão os nossos últimos passos e se estamos em um espaço onde podemos fazer a transição para a conclusão. Isto tem um preço, contudo, e o preço é deixar ir a necessidade de curar e de ser curado, de ver o reflexo de nossa cura nos outros e achar que concluímos, uma vez que todos estejam no mesmo espaço, energética e emocionalmente, e na mesma freqüência e vibração.

O outro preço é uma questão de valor. O que podemos receber e experienciar é bloqueado por nossas limitações auto-impostas. Está tudo aí para nós agora. Se não recebemos, ou não pedimos, ou não pedimos o que realmente queremos. Talvez estejamos pedindo, mas não estejamos abertos para receber, porque temos questões em torno de merecimento e dignidade.
Esta é a nossa jornada de aceitação e de autoconhecimento, onde deixamos de nos julgar e aos outros, por quem e o que somos, por onde achamos que estamos, ou que deveríamos estar em nossa jornada de cura.

Em Julho, nós temos um forte elemento de água ou de cura que oferece duas possibilidades para esta cura final e encerramento, suave e fluida, ou uma torrente intensa. Se estivermos no aspecto fluido e suave, praticamos a aceitação e o desprendimento, reconhecendo que todos estão onde eles precisam estar, a cada momento, e nos concentramos onde estamos em nossa própria jornada.
A torrente tempestuosa fala por si e pode ser um remo resistente, rio acima se estivermos contra o fluxo, ou um passeio desvairado, se estivermos descendo o rio sem os remos. E embora possamos terminar no mesmo destino, não nos sentiremos tão bem e não apreciaremos tanto o processo.

É também um mês de autoconhecimento e há dois aspectos para este também, o auto julgamento crítico, áspero, ou o amoroso, digno e merecedor. Novamente, temos que escolher, mas neste caso, o destino não é o mesmo. Não seremos capazes de desfrutar do amor, da paz, da harmonia, da abundância e da alegria que podemos ter, o tempo todo, se formos críticos, ásperos e não amorosos com nós mesmos.

Nós somos dignos, vocês são dignos, eu sou digna – digam isto, até que nisto acreditem. A única maneira de mudar o mundo é começarmos com a forma com que falamos e pensamos em relação a nós mesmos. Tudo começa conosco e a menos que estejamos dispostos a nos vermos na mesma luz, amor e verdade, como somos vistos pela nossa Fonte, pelo Universo, por nossos guias e anjos, iremos limitar o nosso acesso a todas as coisas boas e maravilhosas que nos estão disponíveis.

Tudo o que queremos e pensamos em liberar de nossas vidas, está tão preparado para nos deixar, como estamos preparados para deixá-lo ir.
Em Julho isto envolve o grande três, o lar (onde estamos ancorados, vivemos e como nos percebemos no mundo), os relacionamentos (incluindo os empregos, parceiros íntimos e família) e o equilíbrio das energias espirituais e materiais em nossas vidas.

Se uma destas áreas estiver fora do equilíbrio, sentiremos isto neste mês e saberemos quando estamos remando rio acima, contra o fluxo. Como é que sabemos? Onde não estamos felizes, sentimo-nos fora do controle, fora do nosso elemento, fora de sincronia com a nossa visão de alegria, de amor, de paz e de abundância para a nossa realidade?

À medida que ajustamos a nossa freqüência vibratória, encontrando o âmbito perfeito de nossa alegria, paz, amor e abundância, estreitamos a faixa de frequências que permitimos nos conectar conosco, enquanto expandimos a nossa capacidade de receber bênçãos nestas áreas.

Se acharem isto confuso, considerem isto desta maneira:
Quanto mais souberem o que lhes traz alegria, paz, abundância e amor, menos vocês dispersarão as suas energias em busca destas coisas. Assim, vocês podem concentrar a sua energia muito especificamente e com grande clareza, e se tornar um ímã, em vez de um buscador.

Como diz a canção: “Vocês não estão procurando o amor em todos os lugares errados” e podem estar na alegria e atrair mais alegria e bênçãos para vocês.
Tenham um ótimo mês.

-…..—==II==—-…..-

Direitos Autorais:
Site original:
www.enlighteninglife.com
Direitos reservados © 2004/2013 para Jennifer Hoffman. Todos os direitos são reservados. Todo o material desta página está protegido pela lei dos direitos internacionais dos Estados Unidos da América e não podem ser parcialmente o integralmente reproduzidos sem a permissão escrita e expressa da autora. Todas as reproduções autorizadas, parciais ou em cópias, por inteiro ou em parte, devem fazer referência ao nome da autora e ao website de Curas Uriel
Tradução de Regina Drumond Chichorro –
reginamadrumond@yahoo.com.br

Read Full Post »

AS ENERGIAS DE JUNHO DE 2013


Mensagem de Jennifer Hoffman
3 de Junho de 2013

meninaeapomba

Há uma frase que me vem à mente, enquanto penso no

mês de Junho:“Você não pode parar um sino”.

Isto se refere à verdade que você não pode desfazer o

passado. Estivemos tratando de muitos de nossos

problemas do passado, desde Janeiro de 2013,

especialmente em Maio, e tornou-se muito consciente

de como o passado tem afetado o momento presente.

Em Junho, temos a oportunidade de desfazer o passado, de certa forma, definindo um novo rumo e direção para as nossas vidas. Embora possamos não ser capazes de parar um sino, podemos obter um novo sino e é isto que Junho nos oferece, se pudermos vê-lo e se estivermos preparados para isto.

Os dias que antecedem ao Solstício, em 21 de Junho, são poderosos pontos de decisão para nós, cada um nos oferecendo uma escolha do passado ou do presente, expansão ou contração, medo ou amor, transformação ou recolhimento, evolução ou revolução.

Às vezes, pode parecer como se estivéssemos diante de muitas escolhas diferentes, mas há somente uma questão – estamos sendo atendidos por nossas conexões e o nosso caminho de vida, e como eles estão alinhados com a nossa intenção.

Junho nos proporcionará muitas oportunidades (algumas delas serão oportunidades “diante dos nossos olhos”), para indicarmos firme e poderosamente a nossa intenção e então apoiá-la com os nossos pensamentos, crenças, palavras e ações. Eles estão alinhados? Caso não estejam, nós veremos onde eles estão fora do alinhamento e poderemos fazer os ajustes necessários.

Mercúrio entra em sombra retrógrada, em 9 de junho, com o completo movimento retrógrado começando em 26 de junho. Assim, enquanto estamos ponderando as nossas conexões e o nosso passado, e o que queremos fazer em relação a eles, Mercúrio estará nos dando um apoio extra.

O Solstício de 21 de junho é um momento decisivo para todos nós e é a próxima e significativa parada estratégica neste ciclo. Fomos longe demais? Estamos seguindo na direção certa? Curiosamente, a conjunção anual Sol/Júpiter também acontece nesta data, assim a energia em relação a este dia, será expansiva e sustentadora de qualquer coisa que escolhamos fazer.
Mas, não se trata de desfazer o passado.

Trata-se de aproveitar as lições do passado e usá-las para criar um presente novo e diferente.
Quando tentamos desfazer o passado, estamos agindo a partir de um arrependimento, medo e de nossa dor, pois achamos que poderíamos ter escolhido um caminho diferente, mas que não pudemos ter, não naquele momento.

As escolhas que fazemos a cada momento se tornam o caminho que nos leva a um ponto de transformação, onde consolidamos o nosso aprendizado e o usamos para criarmos um novo caminho. Embora possamos ver isto como uma opção, nossa prontidão para agir sobre ele, depende de nossa disposição em deixar ir o passado, sem arrependimento e evoluirmos para uma versão mais brilhante, mais autoconsciente e mais expandida de nós mesmos.

Não avançando simplesmente, mas criando uma expansão completa, de 360 graus, para que nos possamos nos expandir, em todas as direções. Que novos sinos vocês querem tocar em sua vida? Os antigos, com aquele som maçante e chato?

Como eu escrevi nas previsões de 2013, haverá muita coisa acontecendo nos meses de Junho a Agosto que ocorrerão rapidamente. O processo de fazer escolhas, desconectando-se do passado, e considerando novos potenciais e opções de vida, começa em junho.
Estamos nos separando do nosso passado, o que inclui as nossas conexões biológicas e isto pode nos fazer sentir como se tivéssemos que abandonar todas as conexões familiares, quando percebermos que a energia deles não mais nos serve. Mas estamos liberando a nossa biologia para abraçarmos a nossa verdadeira natureza, que é energética.

Para cada conexão biológica que liberarmos, uma conexão energética nova irá ocupar o seu lugar. Nossas famílias energéticas se tornarão nossos novos meios de apoio e de orientação e eles irão nos proporcionar um novo nível de conexão que nunca experienciamos em nossas vidas.

O mundo parece estar com sérios problemas e em algum nível está, mas isto é porque o mundo, como ele existe hoje, foi construído em um paradigma que não é mais sustentável. Os alicerces da 3D estão desmoronando e estamos vendo a mudança polar que foi prevista, mas ela é energética e não geográfica.
Enquanto as nossas energias coletivas se elevam, não podemos mais tolerar ou fazermos parte de ideologias e de práticas que não estejam em sua vibração. Esta mudança é desconfortável, mas é uma fase da evolução da qual somos parte.

Aceitem a transformação e os potenciais que vocês vêem. Usem as energias de Junho para a expansão, para se expressarem e encontrarem o seu ponto de alegria.
Mercúrio retrógrado apóia a revisão, a renovação, a reconsideração, a lembrança e a liberação. Embora tenhamos uma escolha em todas as coisas, algumas vezes o Universo nos dá um empurrãozinho em uma direção e então somos todos conduzidos para dimensões superiores do ser, liberando um passado que não mais nos serve e abraçando um novo caminho, que pode nos capacitar e nos servir, e a toda a humanidade, em todos os sentidos.
Tenham um ótimo mês.

-…..—==II==—-…..-

Direitos Autorais:
Site original: www.enlighteninglife.com
Direitos reservados © 2004/2013 para Jennifer Hoffman. Todos os direitos são reservados. Todo o material desta página está protegido pela lei dos direitos internacionais dos Estados Unidos da América e não podem ser parcialmente o integralmente reproduzidos sem a permissão escrita e expressa da autora. Todas as reproduções autorizadas, parciais ou em cópias, por inteiro ou em parte, devem fazer referência ao nome da autora e ao website de Curas Uriel
Tradução de Regina Drumond Chichorro – reginamadrumond@yahoo.com.br

Read Full Post »

Older Posts »